Header Ads

ad

Pernambuco tem 64,4 mil filiados com problemas

Das 558,2 mil pessoas inscritas em partidos políticos no Estado, 64,4 mil estão com problemas e não poderão disputar a eleição se não sanar a pendência

 

Por Sheila Borges

Faltando dois dias para o início das convenções partidárias, por meio das quais as legendas podem homologar os seus candidatos a prefeito, vice-prefeito e vereador para a eleição deste ano, o Tribunal Superior Eleitoral divulga a relação dos filiados de todas as agremiações que estão com pendências de multas junto à Justiça Eleitoral. Quem deixou de votar, de justificar a ausência e de pagar a multa por não ter comparecido às urnas nas últimas eleições, não poderá concorrer a um cargo eletivo em outubro. Os pré-candidatos que estiverem nessa situação, precisam quitar a multa até o dia 5 de julho. Isso porque a certidão de quitação é um dos requisitos para o deferimento do registro da candidatura.
Em todo o País, 1,7 milhão de filiados estão com essa pendência. Em Pernambuco, das 558,2 mil pessoas inscritas em partidos políticos, 64,4 mil estão com problema (veja arte). Se esses indivíduos quiserem se candidatar, precisam correr contra o tempo para se regularizar.
De acordo com os registros do TSE, atualizados até abril deste ano, o PT lidera o ranking dos devedores. Dos 59.906 filiados à legenda, 6.733 não estão quites com a Justiça Eleitoral. Na segunda colocação, está o PP. Do total de 62.069 filiados, 6.742 têm pendências.

 

Postar um comentário