Edney Silvestre lança novo livro no Recife - Portal Muito Mais - O seu portal de notícias!!!

ÚLTIMAS DO PORTAL

test banner

Post Top Ad

9 de agosto de 2012

Edney Silvestre lança novo livro no Recife

Escritor e jornalista autografa, na APL, “A Felicidade é Fácil” 

Depois de ganhar o Prêmio São Paulo 2010, na categoria melhor livro de autor estreante, e o Prêmio Jabuti 2010, como melhor romance, com o livro “Se eu fechar os olhos agora”, o escritor e jornalista carioca Edney Silvestre lança agora seu aguardado segundo romance: “A Felicidade é Fácil” (Record, 224 páginas, R$ 29,90). Edney vem ao Recife para divulgar a publicação, em conferência aberta ao público, na Academia Pernambucana de Letras (APL), nesta quinta-feira (09), às 18h.
Antes de iniciar uma até agora bem sucedida carreira na escrita de romances, Edney publicou dois livros de crônicas (“Outros Tempos” e “Dias de Cachorro Louco”) e um de entrevistas (“Contestadores”). “Numa crônica eu faço observações sem me aprofundar intensamente, enquanto no romance meus mergulhos são mais intensos, diria até mais sombrios”, analisa o autor.
A história de “A Felicidade é Fácil” é livremente baseada num caso real. “A trama básica é o sequestro de uma criança”, lembra Edney. “No acontecimento real, em São Paulo, o filho de um caseiro foi sequestrado numa manhã e, na mesma noite, foi assassinado. Eu construí o enredo em torno de 24 horas, para alimentar a tensão”, explica o autor, ressaltando que usou o argumento real apenas como inspiração.
Esse enredo tem como pano de fundo uma trama política, que trata especialmente do processo de reabertura política do Brasil, com as “Diretas Já”, entre os anos 1983 e 1984, e a eleição presidencial de 1989, vencida por Fernando Collor de Mello. “Sofri muito e vi muito sofrimento após o governo Collor”, comenta. “A decepção foi grande para a geração, que lutou, brigou pelas eleições diretas. O resultado com Collor foi terrível para nosso ânimo, nossa autoestima como brasileiros”, opina o autor.
Enquanto em seu primeiro romance havia uma certa inocência, pelo olhar de crianças, neste novo projeto o escritor mostra uma carga maior de cinismo. “Esse livro é muito mais seco que o anterior”, defende. “É narrado por vozes diferentes, tanto por cínicos, como por outras vozes. Um dos personagens é um ex-policial, honesto, que teve origem igual a de tantos bandidos, na favela, mas ele tem um profundo senso ético. Outra é prostituta de luxo, e aos poucos se revela a humanidade dela”, ressalta Edney Silvestre.
Um dos aspectos mais fortes deste lançamento é o perfil de cada personagem, as diferentes maneiras de enxergar e se relacionar com o mundo em volta. Eles parecem ir contra um certo senso comum que aponta que pessoas não superam as expectativas de futuro negativo. “A gente sabe que na realidade não é assim”, diz o autor.
“Neste livro entra minha vivência como ser humano e jornalista. Fiz durante oito anos, no Rio de Janeiro, na TV, um programa sobre essas pessoas ditas ‘anônimas’, comuns, mas que fazem trabalhos incomuns em suas comunidades. Entrevistei, por exemplo, um ex-traficante que agora se dedica a salvar jovens do tráfico, ou então garotas de programa que se tornaram cidadãs admiráveis. O livro traz personagens que são, chamemos assim, parte da elite brasileira. E personagens que são empregados domésticos, motorista, cozinheira, ex-acompanhante de luxo, que circulam por diversos ambientes sociais. Como jornalista um dia você pode cobrir invasão de favela, e depois estar no palácio do governo, cobrindo alguma cerimônia. Isso enriquece minha ficção”, avalia o autor.
Sobre o enredo, que trata de forma indireta de questões políticas, Edney ressalta: “Não acho que seja a única forma possível de romance, mas acho difícil afastar nossos destinos das decisões políticas que são tomadas sem que possamos interferir. Por exemplo, é impossível compreender Graciliano Ramos sem entender a política que envolvia os brasileiros na época”.
SERVIÇO:
Palestra e lançamento de “A Felicidade é Fácil”, de Edney Silvestre
Nesta quinta-feira (09), às 18h
Academia Pernambucana de Letras (Av. Rui Barbosa, 1596, Graças)
Entrada franca

Postar um comentário

Post Top Ad

test banner