Ads Top


Pré-temporada do Santa Cruz chegando ao fim

Renatinho se surpreendeu com o rendimento do Santa Cruz. Foto: Wladmir Paulino/Portal NE10
O dia seguinte à vitória no jogo-treino diante do Porto, vencido por 2x0, foi de trabalho para os jogadores do Santa Cruz. Logo pela manhã, o técnico Marcelo Martelotte comandou uma movimentação tática, seguida de um regenerativo físico para os atletas. Haveria outro trabalho à tarde, mas a comissão técnica achou melhor dar um descanso para o elenco.

O retorno ao batente está marcado para a manhã desta segunda-feira (14). À tarde, a dose se repete. Na terça, o último treino em Sairé, a partir das 8h30. A delegação almoça e depois volta para o Recife, encerrando a pré-temporada. Quem não for relacionado para o jogo-treino com o Chã Grande trabalha normalmente à tarde, no Arruda. Na quarta (16), o jogo a partir das 16h.

Programações à parte, o rendimento da equipe contra o Porto foi motivo de elogios do meia Renatinho. Segundo ele, o time já começou a mostrar uma identidade e a tendência é melhorar até a estreia na Copa do Nordeste, domingo. "Vamos melhorar até lá e arrebentar ainda mais do que no jogo com o Porto", disse.

Para ele, os jogadores seguiram à risca as orientações do treinador. E, por isso, o bom desempenho. Ele citou como exemplo a jogada que originou seu gol, o primeiro dos corais. "Ele vem falando para chegar rápido e concluir. Somos jogadores leves e temos velocidade para chegar ao ataque", disse, referindo-se ao companheiro Jefferson Maranhão, com quem tabelou para fazer o gol.

E por falar em Maranhão, o jovem meia, também testado na lateral esquerda, ele não faz distinção de posição. Quer agarrar a oportunidade dada pelo comandante. Ele deveria estar na Copa São Paulo de Juniores mas sua presença foi solicitada por Marcelo.

"A melhor forma como eu gosto de atuar é como que joguei ontem, pelo lado direito, para puxar para dentro, fazer tabela com Philco, Renatinho ou então para chutar no gol, quando é melhor, mas comigo não tem problema: onde o Martelotte achar melhor, seja na ala, na meia ou no ataque, eu me sinto à vontade", explicou.
COPINHA - Classificado em primeiro lugar no grupo N com cem por cento de aproveitamento, o Santa Cruz terá uma pedreira pela frente: o São Paulo, líder do grupo M e com as mesmas três vitórias do tricolor pernambucano. A partir de agora, quem perder volta para casa. Estádio Luiz Augusto de Oliveira, o Luizão, às 18h (horário do Recife).

Postar um comentário
Tecnologia do Blogger.