Ads Top


Roubos constantes em Caetés Velho

Os moradores do bairro Caetés Velho, no município de Abreu e Lima, Região Metropolitana do Recife, perderam a tranquilidade. Isto porque um local tranquilo para os comerciantes e moradores passou a ser alvo constante dos assaltantes, que não perdoam nenhum estabelecimento. Segundo o relato de algumas pessoas, o pior não é o assalto, mas sim, a falta de perspectiva de mudar este quadro, já que não veem ação da polícia no local. Questionados sobre as rondas policiais realizadas no local, a resposta foi que a polícia só chega a localidade depois de algo ter acontecido.

Há 20 anos com um comércio na rua Ananias Lacerda de Andrade, José Barbosa, de 70 anos, mostrou a cicatriz de um tiro que o atingiu em uma das investidas dos assaltantes no seu mercadinho. “Aqui agora está pior, antes era bem tranquilo. Agora nós somos alvo fácil dos bandidos, já que não podemos fechar as portas”, disse. O comerciante também revelou que não vai mais à delegacia lavrar Boletins de Ocorrência depois dos assaltos já que, segundo ele, não adianta de nada. 

Segundo o relato dos moradores, a violência vem piorando gradativamente no local, tanto no número de assaltos realizados, quanto no quantitativo de usuários de drogas. “Não acredito que os assaltos estão relacionados ao tráfico, os usuários usam e não dão muito problema”, revelou o comerciante. De acordo com o tenente-coronel Hailton Araújo, do 17º Batalhão da Polícia Militar (17º BPM) a área possui uma viatura da Patrulha do Bairro, além do apoio do Gati. “A população pode ligar para o Batalhão e fazer as denúncias e, caso sinta necessidade, marcar uma reunião”, disse. O número do Batalhão é o: 3181-3606. Com informações da FolhaPE
Postar um comentário
Tecnologia do Blogger.