No Recife, as chuvas de hoje superam em 50% média prevista para todo o mês de dezembro

As chuvas que atingem o Recife desde a madrugada de hoje superaram em 50% a média de precipitações prevista para todo o mês de dezembro. Até as 10h da manhã desta quinta-feira, foram registrados 90 mm contra uma média histórica de 60 mm registrada normalmente nos últimos 30 dias do ano. Em 2012, por exemplo, as chuvas atingiram a marca de 25,1 mm em todo o mês de dezembro.

Para minimizar os transtornos à população, a Prefeitura do Recife tem atuado de forma integrada. A Secretaria-executiva de Defesa Civil (SEDEC), a CTTU e a Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos (SDSH) são as que concentram a maior parte das ações.

"Desde às 06h, a Sedec decretou estado de pré-alerta e ampliou as suas equipes em 20% colocando 50 homens a mais nas ruas e morros da cidade", explica o secretário-executivo de Defesa Civil, Cel. Adalberto Freitas. "Solicitamos que os moradores das áreas de risco fiquem atentos, procurem lugar seguro em caso de chuva intensa e nos acionem através da central de atendimento". 

Através da central 0800 081 3400, que funciona 24h e é gratuita, a SEDEC recebeu 109 chamadas da população até as 11h30. Os trabalhos da Defesa Civil estão contando com mais 10 veículos para atender com maior agilidade às ocorrências, que incluem solicitações de vistoria e colocações de lona, deslizamentos de terra e transbordamentos de canais, por exemplo. Foram realizadas vistorias em localidades como Alto do Céu, Alto Santa Terezinha, Nova Descoberta e Bomba do Hemetério.  

A chuva também atrapalhou a mobilidade. Além das ruas alagadas, 40 semáforos, dos 649 semáforos existentes na cidade, apresentaram falhas técnicas. Trinta e dois deles já operam normalmente depois de passarem por manutenção feita pelos técnicos da CTTU. Os outros oitos estão passando por reparos neste momento. Agentes de trânsito também já foram deslocados para esses cruzamentos.

"Estamos preparando a compra de mais 239 no-breaks para evitar que nossos semáforos deixem de operar em dias de chuva como este. Já instalamos 210 dessas baterias este ano e a previsão é que todos os semáforos da cidade contem com esse equipamento ainda antes do próximo inverno", explica Taciana Ferreira, presidente da CTTU.

Para acolher os desabrigados, o Executivo Municipal já colocou à disposição o abrigo Travessa do Gusmão, que fica localizado na Rua Imperial, no bairro de São José e tem capacidade para acolher até 30 pessoas.   
Postar um comentário
Tecnologia do Blogger.