Ads Top


Maestro Spok e Bola de Ouro são os homenageados do Carnaval do Recife 2015

Prefeitura agracia representante da nova geração do Frevo e tradicional agremiação da cidade. (Foto: Andréa Rêgo Barros/ PCR)
Após um intenso processo de discussão para a definição que apontariam os homenageados do Carnaval do Recife 2015, o prefeito Geraldo Julio teve o prazer de, na tarde desta sexta-feira (21), comunicar pessoalmente aos agraciados: o Maestro Spok e o Bloco Bola de Ouro, representado pelo vice-presidente da agremiação, Robervaldo Lopes. Geraldo fez questão de ressaltar que a Prefeitura teve a preocupação de compartilhar a honraria entre elementos que exaltam a representatividade da nova geração dos artistas que batalham para manter viva a força de nossa cultura e à tradição tão marcante da festividade de Momo na capital pernambucana.

“Nós pensamos muito e chegamos à conclusão de que podemos homenagear a nossa tradição juntamente com os artistas que estão lutando para manter essa mesma tradição forte. Escolhemos exaltar um bloco que está fazendo 100 anos e que tanto já alegrou e emocionou a população. O Maestro Spok é um dos líderes desse movimento, dessa nova geração, que tem tanta gente boa, que ajuda a renovar a nossa cultura, que mostra que o frevo vai seguir como marca do nosso Carnaval”, registrou.

Tanto o Maestro Spok quanto Robervaldo Lopes, foram pegos de surpresa com a homenagem e não esconderam a emoção. “Eu quase chorei. Eu não sabia da intenção da Prefeitura de fazer essa homenagem. Foi um momento de intensa felicidade”, destacou Spok. “Recebi uma ligação para vir à Prefeitura, mas não sabia do que se tratava. Fiquei muito satisfeito porque é uma homenagem merecida ao Bola de Ouro, por tudo o que o bloco representa, mas também pela ideia de se exaltar quem renova a nossa música e cultura”, frisou Lopes.

Spok – Inaldo Cavalcante de Albuquerque, Spok, de 44 anos, é natural do município de Igarassu (Região Metropolitana do Recife). O artista começou a estudar música em Abreu e Lima, sob a orientação do professor Policarpo Lira Filho (Maninho), em 1984. Spok veio para o Recife em 1986, quando passou a trabalhar com ícones da música pernambucana como os maestros Clóveis Pereira, Guedes Peixoto e Ademir Araújo. Em 1996, ele liderou a formação da “Banda Pernambucana”, que passou a acompanhar o artista Antonio Nóbrega pelo Brasil e pelo mundo. Anos depois, o grupo mudou o nome para “Orquestra de Frevo do Recife” e segue encantando recifenses e turistas até hoje. Atualmente, o maestro viaja o mundo com a sua Spok Frevo Orquestra.

Bola de Ouro – Fundado no dia 15 de setembro de 1915, na Rua da Bola, em São José, o Clube Bola de Ouro chega ao centésimo aniversário no próximo ano. A agremiação, que tem como símbolo uma bola dourada e suas cores oficiais são o amarelo e o preto, é presidido desde 1986 pela carnavalesca Luiza de França Lopes Carvalho, um dos personagens mais marcantes do Carnaval do Recife. Luiza é mãe de Robervaldo. O Bola de Ouro coleciona premiações na festividade de Momo na capital pernambucana.
Postar um comentário
Tecnologia do Blogger.