Header Ads

PUBLICIDADE

Toritama recebe o programa estadual Crédito Popular nesta quinta-feira (21)

O município de Toritama, que pulsa trabalho e empreendedorismo, receberá nesta quinta-feira (21), o programa estadual Crédito Popular, que já beneficiou 500 pessoas em Pernambuco, injetando R$ milhão na economia. O evento será realizado na quadra da Escola Belmiro Gonçalves, às 10h, com dicas e cadastramentos. Localizada no Agreste, Toritama integra o segundo maior polo têxtil do Brasil e foi escolhida para esta edição pela economia pujante das pequenas e grandes fábricas de jeans. Ao todo, 39% das pessoas que procuraram o Crédito Popular são da região agrestina, enquanto 46% são da Região Metropolitana do Recife.

Segundo o presidente da Agência de Empreendedorismo de Pernambuco, Marcelo Barros, a importância do programa se dá porque beneficia uma faixa da população que não tem acesso aos serviços bancários.

“O setor que mais gera renda e emprego no Brasil hoje é o de pequenos negócios. Nossa meta é a de chegar aos 80 mil postos de trabalho, até 2022, com uma movimentação econômica de R$ 120 milhões, neste período”, ressaltou o diretor-presidente da AGE, Marcelo Barros, que dá uma aula didática e de fácil entendimento em cada município por onde o programa passa.

Marcelo Barros destacou que há uma média de 30 liberações de crédito por dia, ressaltando que existem dois mil empreendedores cadastrados. “É um programa que ajuda a gerar emprego e renda no Nordeste do Brasil, numa época em que o País ainda está sofrendo bastante com a crise econômica”, disse Marcelo.
De acordo com o secretário do Trabalho, Emprego e Qualificação de Pernambuco, Alberes Lopes, o Crédito Popular é uma das ações do governo que terá impacto positivo em toda cadeia econômica dos municípios e das famílias. Ele lembrou que “a iniciativa estimula quem quer começar a empreender ou acelera os negócios em desenvolvimento, oferecendo até R$ 3 mil para os contratos individuais”. O benefício deve ser pagos em até 12 parcelas, com juros mais baixos que os praticados pelo mercado, de 1,49% ao mês, para os pagamentos feitos em dia. Por outro lado, também é possível procurar o financiamento através de grupo solidário, que pode ter de três a cinco pessoas. 

SAIBA MAIS:

O funcionamento é simples: a partir da realização do cadastro, seja pelo site (www.age.pe.gov.br) ou pelo telefone (Disque AGE 0800 081 8081), o agente de negócios entra em contato com o empreendedor e marca uma visita. É uma etapa importante, para entender para qual a melhor maneira de utilizar o valor do empréstimo, já que se trata do Microcrédito Produtivo Orientado. O financiamento tanto pode ser para capital de giro, quanto para compra de máquinas ou equipamentos, por exemplo.

Nenhum comentário