Capturados por sequência de mortes - Portal Muito Mais - O seu portal de notícias!!!

ÚLTIMAS DO PORTAL

test banner

Post Top Ad

2 de novembro de 2011

Capturados por sequência de mortes

Trio foi encaminhado pela polícia para o Centro de Triagem de Abreu e Lima

Uma sequência de homicídios nos bairros de Paratibe e Arthur Lundgreen I, em Paulista, levaram a Polícia de Pernambuco a identificar três integrantes de um grupo criminoso que atuava na localidade. Juliano Francisco dos Santos, o Ameixa, de 22 anos, Jeferson Pedro da Silva, o Pixoxinho, de 24 anos, e Walter Pimentel Júnior, o Júnior Boqueiro, de 29 anos, foram encontrados na Cidade Tabajara, em Olinda, na tarde da última segunda-feira.

As investigações foram da 1ª Equipe de Repressão aos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI) de Paulista, que contou com a parceria dos policiais do 17° Batalhão de Polícia Militar (BPM). Com os três, a Polícia encontrou 1,5 quilo de maconha, três revólveres calibre 28, munições e R$ 818 em espécie. “A população nos ajudou com informações importantes para que o caso fosse resolvido. Sabíamos para onde eles iriam e a que horas seria esse deslocamento. Com isso, conseguimos surpreendê-los e efetuar a prisão”, explicou o delegado do CVLI de Paulista, Ivaldo Pereira.

Somente nos anos de 2010 e 2011, esse trio é apontado como o responsável pela morte de de cinco pessoas e pela tentativa de homicídio de um adolescente de 17 anos. O último assassinato relacionado a eles foi no dia 20 de novembro, quando a Polícia encontrou o corpo de Evandro Luiz  da Silva, de 30 anos, despido e com perfuração de arma de fogo. Evandro era conhecido como Caça-Rato e, segundo a Polícia, teve a morte motivada por conta da guerra do tráfico daquela localidade.

“Eles eram integrantes de quadrilhas rivais, que disputavam uma mesma área de venda. A quadrilha que era comandada por Ameixa não tinha outra maneira de lidar com inimigos senão a morte”, afirmou o delegado. Em depoimento, os acusados informaram que despiram a vítima para causar maior humilhação. “Eles riam quando se lembravam do que fizeram”. Os homicídios tinham características semelhantes. Durante a abordagem da vítima, os criminosos chegavam de capuz e os arrastavam para uma via pública onde efetuavam os disparos. Além de responderem pelos homicídios, os três também foram autuados em flagrante por porte ilegal de arma, tráfico de drogas e associação para o tráfico. Eles estão à disposição da Justiça no Centro de Triagem de Abreu e Lima.


Por BÁRBARA FRANCO
JORNAL FOLHA DE PERNAMBUCO
Postar um comentário

Post Top Ad

test banner