Header Ads

ad

Escola de Paulista realiza passeio ciclístico nesta terça-feira (9)

Cerca de 200 estudantes daMaestro Nelson Ferreira participam da atividade

Créditos: Divulgação


Os estudantes da Escola de Referência em Ensino Médio  (EREM) Maestro Nelson Ferreira, em Paulista, Região  Metropolitana do Recife (RMR), tiveram um encontro marcado  com a saúde, a qualidade de vida e a mobilidade urbana, nesta  terça-feira (9). Partindo da escola, onde se concentraram, cerca  de 200 jovens e professores realizaram um passeio ciclístico  com  o objetivo de alertar sobre a importância dos exercícios  físicos e de uso de meios de transporte alternativos.
O percurso teve cerca de oito quilômetros. A bicicletada  começou na própria unidade, no Engenho Maranguape, de onde  os estudantes seguiram pela PE-22, passando por dentro da  comunidade. Eles pararam para descansar no Forte de Pau  Amarelo, antes de iniciar o retorno pela Avenida Costa Azul.
No forte, além do descanso, um pitstop para um pouco de  história. “Como a invasão holandesa aconteceu por Pau  Amarelo, os portugueses construíram esse forte para proteger a  costa de novas invasões”, explica Jonaílson Silva, professor de  história, e um dos coordenadores da atividade. Os ciclistas  também conheceram um pouco da história do engenho que hoje  dá nome ao bairro onde está localizada a escola.
“Nossa intenção foi chamar a atenção dos alunos a melhoria da  qualidade de vida e a preservação do meio ambiente quando  nos  locomovemos de bicicleta”, afirma Liliane Costa,  professora  de Educação Física, que também acompanhou os  estudantes durante o passeio.
Para os alunos, a experiência da aula-pedalada foi nova. “Andar  de bicicleta é uma forma de sustentabilidade, já que os carros poluem bastante. Também é um meio de transporte muito prático”, afirma a estudante Kelry Moraes, 17, do 3º ano do ensino médio.
A bicicletada também foi uma voz em favor dos direitos do ciclista. “Levantams questões como a valorização da vida do ciclista, sua liberdade de ir e vir através de meios de transporte alternativos”, conta a professora de Direitos Humanos, Andreia Heliodoro.
De acordo com o gestor da escola, Cláudio Costa, essa foi a primeira atividade interdisciplinar do bimestre, que tem como tema Sustentabilidade e Qualidade de Vida. Jogos internos, feira de ciências e até uma caminhada contra a Aids estão entre as atividades programadas para o período.
Todo o percurso foi acompanhado por agentes de trânsito da Prefeitura de Paulista, uma viatura de Polícia Militar e uma ambulância.


Postar um comentário