Ministro interino da Fazenda também vê tendência de queda na inflação de 2013 - Portal Muito Mais - O seu portal de notícias!!!

ÚLTIMAS DO PORTAL

test banner

Post Top Ad

11 de janeiro de 2013

Ministro interino da Fazenda também vê tendência de queda na inflação de 2013

Brasília – O ministro interino da Fazenda, Nelson Barbosa, disse hoje (11) que a inflação deve manter a trajetória de queda em 2013. “A tendência é de queda na inflação. O nosso diagnóstico é o mesmo do Banco Central. Acho que a inflação mais uma vez, no ano passado, ficou dentro do intervalo estabelecido pelo governo e a expectativa para 2013 é que continue caindo, se aproximando mais do centro da meta”, comentou.
O comentário de Barbosa faz referência à nota divulgada ontem (10) pelo presidente do Banco Central, Alexandre Tombini, na qual avalia que a inflação mostra resistência em curto prazo, mas que as perspectivas indicam retomada da tendência declinante ao longo de 2013.
Barbosa comentou também o resultado do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), no qual a inflação acelerou em dezembro e fechou o ano de 2012 em 5,84%. Embora esteja dentro do limite de tolerância (até 6,5%), o resultado ficou acima do centro da meta estipulado pelo governo de 4,5%. O indicador, usado como referência para a inflação oficial, foi divulgado ontem pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).
Segundo Barbosa, um dos motivos da pressão nos preços foi a quebra da safra agrícola na América do Norte, que puxou para cima o preço dos grãos e derivados, inclusive o preço da carne.
De outro lado, o ministro interino destacou que as medidas de desoneração adotadas pelo governo podem ter colaborado para garantir a inflação no intervalo estabelecido. Para ele, o impacto tributário das ações do governo teve resultado neutro ou favorável sobre a evolução do índice inflacionário e o resultado do IPCA.
“Houve desonerações de IPI [Imposto sobre Produtos Industrializados] para automóveis e bens de consumo duráveis, desoneração da Cide [Contribuições de Intervenção no Domínio Econômico], o que contribuiu para evolução mais favorável da inflação”, comentou.


Luciene Cruz Repórter da Agência Brasil
Edição: Davi Oliveira
Postar um comentário

Post Top Ad

test banner