Ads Top


Defesa Civil Nacional lança a segunda edição do Anuário Brasileiro de Desastres Naturais

O Ministério da Integração Nacional, por meio da Secretaria Nacional de Defesa Civil, lançou, nesta terça-feira (22), o Anuário Brasileiro de Desastres Naturais 2012. A publicação reúne importantes informações sobre desastres naturais do país referentes ao ano passado, como a caracterização geográfica das cinco regiões brasileiras, que inclui aspectos de clima e vegetação, e o perfil dos desastres, desde a seca até inundações e vendavais.

O primeiro anuário lançado foi o referente a 2011. De acordo com o diretor do Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres (Cenad), Rafael Schadeck, a edição de 2012 passou por um processo de melhoria que, segundo ele, deve ser contínuo. “Ela já apresentou alguns avanços, detalhes que percebemos que poderiam ser melhorados de um ano para o outro. Tivemos avanços, por exemplo, na consistência dos números”, explica ele.

O anuário servirá de material de pesquisa para o meio acadêmico, governos e órgãos que lidam diretamente com desastres naturais. “As informações, as tabelas e os mapas estão melhorando, então ficará de forma cada vez mais clara a quem tiver utilidade dos dados. Até poucos anos atrás, a gente não havia nenhuma referência, nenhum banco de dados em nível nacional. A gente tinha esforços pontuais, mas não uma base de dados consolidada”, relata Schadeck.

Por meio das informações contidas no anuário é possível saber o número de pessoas desalojadas, desaparecidas e até mesmo a quantidade de óbitos decorrentes de cada tipo de desastre natural.
Postar um comentário
Tecnologia do Blogger.