Ads Top


Defesa Civil Nacional prepara cidades-sede para Copa do Mundo de 2014

Agência de cooperação alemã compartilhará experiências com as defesa civis brasileiras


Brasília, 23.10.2013 – De olho nos preparativos para a Copa do Mundo de 2014, o Ministério da Integração Nacional, por meio da Secretaria Nacional de Defesa Civil, promoverá, nesta quinta-feira (24), em Curitiba (PR), um workshop para treinar os profissionais de defesa civil das 12 cidades-sede do mundial - Recife, Belo Horizonte, Brasília, Cuiabá, Curitiba, Fortaleza, Manaus, Natal, Porto Alegre, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo. O objetivo do evento é preparar ações de mitigação, preparação e resposta a desastres, específicas para os jogos.

workshop é organizado com a participação da GIZ, agência de cooperação alemã que fez parte do planejamento para as copas da Alemanha e da África do Sul – e em parceria com a Defesa Civil do Paraná.  Quatro membros da defesa civil alemã também participarão do encontro com os representantes brasileiros e 60 pessoas serão capacitadas no treinamento.

O diretor de minimização de desastres do Ministério da Integração Nacional, Armin Braun, afirma que as ações de defesa civil são calcadas principalmente no planejamento e na redução dos riscos. “A experiência dos alemães nos mostra que, se trabalharmos preventivamente, com antecipação, conseguiremos minimizar danos humanos e perdas em uma possível ocorrência de desastre”, explica ele.

Segundo o diretor, o Brasil deve estar preparado para agir no caso de emergências. “O workshop abordará ações de prevenção de desastres, sejam eles de origem tecnológica ou de origem natural, potencializando a prevenção para esse período da Copa do Mundo, visto que o fluxo de pessoas nas cidades-sede será muito grande”, pontua. Para o mundial de 2014, são esperadas mais de três milhões de pessoas.

O papel da defesa civil foca na prevenção, incluindo a gestão e minimização de riscos. “Em uma resposta a um desastre, no cenário onde múltiplas agências atuarão e trabalharão, a defesa civil opera em conjunto com essas atores, coordenando todos os esforços para evitar perdas humanas”, complementa o diretor.
Postar um comentário
Tecnologia do Blogger.