Petrobras divulga plano estratégico até 2030 no dia do balanço de 2013

Empresa trabalhava com planejamento para os próximos cinco anos.
Estatal planeja investimento de R$ 220,6 bilhões de 2014 a 2018.

A Petrobras anunciou o plano estratégico da empresa até 2030, além do tradicional planejamento para os próximos cinco anos, nesta terça-feira (25), após a divulgação do balanço de 2013. Entre 2014 e 2018, a estatal prevê investimentos de US$ 220,6 bilhões; para o período mais longo não há previsão de investimentos, apenas metas de produção.

No plano estratégico anterior, de 2013 a 2017,  a estatal previa investimentos maiores, de US$ 236,7 bilhões, anunciados pela petrolífera como o maior plano de investimentos corporativo do mundo. 
  
No documento divulgado nesta terça, a empresa afirma que o plano, para 2014, é aumentar em 7,5% a produção de óleo e gás. Segundo o balanço de 2013, a produção atual no país foi de 1,931 milhão de barris por dia.

Entre 2014 e 2018, serão investidos US$ 153,9 bilhões na área de exploração e produção, sendo 73% em desenvolvimento da produção, 15% para exploração e 12% para infraestrutura.

Para tornar o plano possível, a empresa aposta no petróleo custando US$ 105 o barril em Londres, do tipo Brent, em 2014, diminuindo para US$ 100 até 2017 e para US$ 95 no longo prazo. A taxa de câmbio média é de R$ 2,23 em 2014, valorizando para R$1,92 no longo prazo.

Nesta terça, o barril fechou valendo US$ 109,51 em Londres e o dólar terminou a R$ 2,341.
 
2030
Até 2030, o plano é sustentar uma produção em média de 4 milhões de barris de óleo por dia (bpd) e suprir o mercado brasileiro de derivados, alcançando uma capacidade de refino de 3,9 milhões de bpd, em sintonia com o comportamento do mercado doméstico.

Em 2013, a produção de petróleo no Brasil alcançou a média de 1,931 milhão de barris diários resultado 2,5% abaixo do planejado. Já o refino subiu 6%, para 2,124 milhões de barris por dia.

Fonte: G1
Postar um comentário
Tecnologia do Blogger.