Prefeito do Recife apresenta edital de financiamento ambiental e anuncia aumento de recursos para os projetos

A iniciativa receberá um investimento de R$ 300 mil, através da Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade do Recife e deverá beneficiar cinco propostas


Com o objetivo de fomentar o diálogo e aproximação permanente da população com as questões ligadas à preservação da natureza e sustentabilidade, a Prefeitura do Recife, pelo segundo ano, financiará projetos ambientais propostos pela sociedade civil. O prefeito Geraldo Julio fez a apresentação do edital na tarde da última quarta-feira (18) em seu gabinete, e anunciou o aumento para 20% do fundo municipal de meio ambiente destinado ao investimento em projetos da sociedade civil a partir do próximo ano - a lei obriga que seja 10%. As inscrições no edital seguem até o dia 8 de abril

"Este Edital de Projetos Ambientais traz propostas muito boas de ações de sustentabilidade para o Recife. No ano passado, tivemos propostas aprovadas que  envolveram alunos da rede municipal, moradores da cidade, ONG's, todos engajados, atuando juntos, sempre com ideias muito boas que melhoram o meio ambiente. Neste ano o investimento nas propostas somam R$ 300 mil. Esta é uma grande parceria do poder público com o recifense", afirmou o prefeito Geraldo Julio.

A ação acontece com 10% do fundo municipal de meio ambiente , que por lei deve ser destinado ao investimento em projetos oriundos da sociedade civil, e que foi aplicado na cidade do Recife pela primeira vez nessa gestão. "Agora, por conta do sucesso dos projetos de 2014, pela qualidade das propostas apresentadas, tomamos essa decisão: em 2016 dobramos o valor destinado a esta ação, aumentando para 20% o recurso deste fundo", completou o prefeito, que afirmou que ainda nesta tarde o Projeto de Lei com a proposta será encaminhado para a Câmara Municipal do Recife.

A  escolha dos projetos que serão financiados acontecerá por meio de seleção pública, que contará com a participação de representantes do Conselho Municipal de Meio Ambiente. “Este é o segundo edital que lançamos. A primeira experiência nos trouxe importantes contribuições, como o inventário de árvores do Bairro do Recife. O edital é um ótimo instrumento para estimular a sociedade a contribuir no desafio de preservar a natureza”, destacou a secretária de Meio Ambiente e Sustentabilidade do Recife, Cida Pedrosa.

A inscrição no edital segue até o dia 8 de abril, e pode ser feita na sede da Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade (SMAS), de segunda a sexta, das 8h às 13h. As cinco propostas finalistas receberão até R$ 60 mil para execução do trabalho. Qualquer entidade, desde que devidamente regularizada, pode participar da seleção. Mas, antes de inscrever o projeto, é necessário enviar uma carta consulta à secretaria para a realização de uma análise prévia sobre a viabilidade da iniciativa.

Para Jason Torres, membro do Conselho Municipal de Meio ambiente, a realização deste edital proporciona o envolvimento da população com as questões sustentáveis na cidade." Dessa forma a sociedade civil também instiga o poder público em algumas ações, além de propor ideias incríveis que podem ser usadas, experimentadas e expandidas pela gestão. As pessoas se envolvem mais com a cidade, com as condições que nos cercam, e refletem sobre as possíveis soluções e melhorias que podemos ter aqui pro Recife", falou Jason.

A divulgação da relação de cartas consultas aprovadas será feita pela SMAS no dia 8 de maio. No caso de recusa, a entidade terá 15 dias para solicitar a reconsideração da análise e apresentar suas justificativas. Já quem for aprovado terá até o dia 9 de junho para entregar o projeto formal. A expectativa é que o resultado final da seleção seja divulgado em julho.
Postar um comentário
Tecnologia do Blogger.