Ads Top


Junior Matuto acalma os moradores das comunidades atingidas por processo de desapropriação

Como havia prometido na noite desta quinta-feira (28), durante reunião na comunidade do Chega Mais, o prefeito do Paulista, Junior Matuto, retornou a localidade na manhã de hoje para acompanhar o início do cadastramento dos moradores das áreas afetadas pelo processo de desapropriação. Durante a visita, o gestor municipal ressaltou que a prefeitura “puxou” pra si a responsabilidade de resolver o caso, mesmo que o terreno onde estão às casas seja de particular e que tenha sido arrematado em leilão por uma empresa privada. O processo judicial também colocou em risco a desocupação da comunidade do Cajueiro e Beira-Mar.     
Assim que chegou a Rua Gabão, no Chega Mais, Junior Matuto foi recebido pelos moradores. O prefeito, inclusive, aproveitou a oportunidade para tirar dúvidas, visitar casas e percorrer diversas ruas a fim de acabar com o temor da população. Antes da chegada do gestor, uma equipe da prefeitura já estava no local desde cedo para mapear a área e traçar roteiros de visitação. Os funcionários do município irão fazer vistorias técnicas e cadastrar as famílias ao longo da próxima semana.
            
A proposta do trabalho de campo é criar um  banco de dados detalhado sobre os moradores com informações sobre renda, número de pessoas na família e o perfil assistencial (se participa ou não dos programas sociais). “Com as informações colhidas pelas assistentes sociais, pretendemos mostrar aos empresários que ninguém invadiu essas terras, pelo contrário, essas famílias suaram muito para conseguir um teto”, assegurou o prefeito.
            
Ele também frisou que vai buscar uma solução definitiva para as cerca de 500 famílias da localidade. “Primeiro vamos garantir a moradia de vocês, entrando em entendimento com a empresa e negociando a terra. Depois lutar para conseguir a entrega do título de posse dos imóveis”, afirmou Junior Matuto.
Postar um comentário
Tecnologia do Blogger.