Prefeito do Recife assina convênio em Brasília garantindo recursos para aplicar geomanta em 158 localidades

Foto: Andréa Rêgo Barros
O prefeito do Recife, Geraldo Julio,  assinou, na tarde desta quarta-feira (12), em Brasília, convênio no valor de R$ 3 milhões com o ministro da Integração Nacional, Gilberto Occhi. O documento permite a estabilização de encostas com aplicação de 32 mil metros quadrados de geomanta de PVC em 158  localidades de risco em áreas de morro da cidade. Atualmente, 127 localidades do Recife contam com a tecnologia, ou seja, haverá um acréscimo de 124,4%.
Foto: Humberto Pradera
Com o convênio, moradores de 15 comunidades de 7 bairros serão beneficiados. Do valor de R$ 3 milhões, a Prefeitura do Recife participa com uma contrapartida de R$ 600 mil. A expectativa é que a portaria de liberação do recurso seja publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira (13). Com isso, a aplicação da geomanta já começa em setembro.

Após a reunião com o ministro Gilberto Occhi, o prefeito Geraldo Julio destacou a importância da geomanta para a cidade, uma tecnologia trazida por esta gestão e aprovada pelo Ministério da Integração Nacional. "Mesmo em um tempo difícil, a gente deve enfrentar os desafios. Então, viemos aqui em Brasília, no Ministério da Integração, apresentar os prejuízos e os grandes danos causados pela chuva do mês de junho, a maior dos últimos 29 anos. Mostramos aqui a quantidade de locais e famílias do Recife que foram prejudicados", afirmou o gestor.

"Cento e cinquenta e oito pontos serão cobertos, mais de 150 famílias que vão ter a sua casa protegida pela geomanta, que é uma tecnologia nova, criada por nós no Recife, e agora aprovada pelo Ministério da Integração. Sabemos que o Governo Federal não dispõe de muitos recursos, mas quisemos vir apresentar o projeto e mostrar a importância, e agradecemos a compreensão do ministério e a Secretaria Nacional de Defesa Civil, que encontrou um caminho de firmarmos esse convênio para ajudar a tantas pessoas do Recife", ressaltou Geraldo Julio.

As áreas de morro do Recife  sofreram problemas intensos com as chuvas no período de 25 de junho a 4 de julho, com precipitações superiores a 680 mm. Somente no dia 29 de julho, choveu 229mm, a maior chuva registrada no Recife nos últimos 29 anos em um período de 24 horas. As áreas de morro correspondem a 69% da área do município, onde vivem 470 mil famílias.

Devido as intensas precipitações, aliado às condições geográficas da cidade, foi registrado também a elevação do volume hídrico nos rios, canais e córregos, gerando alagamentos, bem como o assoreamento dos mesmos, o que contribuiu para o agravamento do cenário como um todo, ensejando no dia 4 de julho a decretação do Estado de Alerta no âmbito do
município, a fim de ampliar a capacidade de resposta da Defesa Civil.

A geomanta impermeabilizante é composta por PVC com fios sintéticos, sendo revestida com uma camada de proteção mecânica de cimento e pigmento na cor verde. O material tem durabilidade mínima prevista de cinco anos. 

OPERAÇÃO INVERNO - Na Operação Inverno 2015, a Defesa Civil já realizou mais de 40.700 vistorias técnicas para monitorar imóveis em áreas de risco da cidade. Esse ano, a geomanta foi aplicada em 21 pontos – totalizando 127 desde o início de 2013. Para reduzir o impacto da chuva, mais de 15 mil pontos de risco já foram cobertos com lonas plásticas. A Sedec ainda realizou 198 palestras educativas em escolas municipais e mais de 12,4 mil residências foram visitadas com o objetivo de conscientizar a população sobre as práticas seguras que devem ser adotadas para evitar acidentes no período chuvoso. Em execução desde 2014, o Parceria nos Morros já entregou 57 obras e, atualmente, 14 estão em execução. O programa realiza intervenções em pontos de risco, onde a PCR fornece material de construção e acompanhamento técnico e os moradores entram com a mão de obra. Aproximadamente 120 famílias se engajaram no Programa, desde o seu início.

Áreas que receberão aplicação de Geomanta:

Dois Unidos
Comunidades: Dois Unidos, Alto do Maracanã, Alto do Rosário e Sítio do Rosário

Nova Descoberta
Comunidades: Alto do Reservatório, Córrego do Joaquim e Vila Boa Vista

Alto José Bonifácio
Comunidade: Alto José Bonifácio

Várzea
Comunidade: Barreiras e Rosa Selvagem

Cohab
Comunidades: Jardim Monte Verde, Lagoa Encantada e UR5

Barro
Comunidade: Pantanal

Dois Irmãos
Comunidade: Sítio dos Pintos
Postar um comentário
Tecnologia do Blogger.