Header Ads

Em menos de um ano de funcionamento, Centro de Parto Normal do Paudalho realiza mais de 100 partos

O Centro de Parto Normal Gabrielly Ramos, no Município de Paudalho, é a primeira unidade totalmente voltada ao atendimento humanizado na Mata Norte de Pernambuco. O local possui uma aérea de aproximadamente 502 metros quadrados onde, de acordo com a Prefeitura da cidade foram investidos cerca de R$ 1 Milhão.
Inaugurado em agosto de 2018, a unidade já faz história e devolveu o direito do paudalhense de nascer no Município. No último dia oito de fevereiro, o Centro chegou à marca de 100 partos realizados com o nascimento do pequeno Igor Mendes Gomes. A mãe da criança, Aniedja Maria Gomes, não escondeu a satisfação em relação ao atendimento. “Eu gostei de tudo. Eu recomendaria as pessoas terem seus filhos no Centro porque a gente é super bem atendida. Quando a gente vai ter a criança, a gente é monitorada, ficam checando a nossa pressão e o batimento cardíaco do bebê. E era isso que eu queria: um parto Humanizado”,comentou.

Outra preocupação da unidade é permitir a participação do pai da criança em todo o processo. Segundo Aniedja Maria a atitude faz toda diferença. “Meu marido também gostou e eu gostei também porque ele pôde ficar comigo do começo até o fim, me deu total apoio. Seria maravilhosa que toda a gestante tivesse o atendimento que eu tive”, disse.

Superando a marca dos 100 partos

A pequena Emanuelly Sofia dos Santos foi outro bebê que marcou história na unidade. Filha de Elida Regina Cândida dos Santos e Wendel Severino dos Santos, a criança foi o 101º bebê a nascer na unidade, na última quarta-feira (13). A mãe da garotinha também comentou sobre o atendimento que recebeu. “Eu achei tudo maravilhoso, estou sem palavras.”, comentou.

Famílias ganham ensaio fotográfico

Outro diferencial da unidade é que as famílias que desejarem ter o momento registrado podem ganhar um ensaio fotográfico com imagens do parto, totalmente gratuito. O serviço é disponibilizado pela Secretaria de Saúde na unidade. A fisioterapeuta e fotógrafa Thuannys Cabral é responsável pelo ensaio e explica que as fotos são um presente às famílias. “Logo que eu fui chamada para participar do projeto eu fiquei muito encantada. Quando eu vi a reação das mães ao verem as fotos, elas ficam encantadas. Elas achavam que era pago e a gente dizia que era um presente. As fotografias ainda serão colocadas no mural que existe no Centro, ou seja, vamos trocar as fotos antigas pelas crianças que nasceram aqui. É lindo, muito bonito e eu fico muito feliz em participar de tudo isso”, explicou.

Referência para a Mata Norte

Quem pensa que unidade só atende a população paudalhense se engana. O Centro do Parto já se tornou referência para toda região da Mata Norte. Exemplo disso é a história da moradora da cidade de João Alfredo, Simony Lins. No dia 12 de janeiro de 2019, a enfermeira estava grávida e entrou em trabalho de parto. Ela e o companheiro, Will Batista, iriam para uma unidade de saúde particular quando o parto avançou e foi necessário escolher uma unidade mais próxima.
O casal optou por Paudalho pela humanização do serviço ofertado e foi recebido em nosso Centro de Parto Normal Gabrielly Ramos. O parto foi realizado pelas enfermeiras obstetras, Raine Souza e Laís Veras. Após seis horas, o tão esperado Kalel nasceu. “Excelentes profissionais. Tudo foi maravilhoso. Eu escolhi o Centro por causa da humanização e foi perfeito”, disse a mãe.

Estrutura

Cada quarto tem referencia “PPP”, ou seja: pré-parto, parto e puerpério e ainda conta com equipamentos de última geração, wifi e Smarts TVs com serviços de Streaming. A unidade ainda possui uma banheira especializada para o processo. O objetivo é respeitar a vontade da mãe, por isso no momento a gestante pode escolher usufruir de musicoterapia, massagens, liberdade de posição, clampeamento tardio de cordão umbilical, contato pele e pele imediato, amamentação na primeira hora de vida, entre outros procedimentos.
O prefeito Marcelo Gouveia comentou da alegria de ver um sonho realizado. “É muita felicidade a gente perceber que hoje, em tão pouco tempo, o nosso Centro de Parto já faz história. Quero dizer que a gente continua firme e nós não vamos descansar porque tem muito ainda a ser realizado”, finalizou. 

Nenhum comentário