Header Ads

PUBLICIDADE

Programa “Escola na Praça” é lançado no Paulista

A Praça Emílio Russel, em Maranguape I, sediou na manhã desta terça-feira (30), o lançamento do programa “Escola na Praça”. A iniciativa, coordenada pela Secretaria de Segurança Cidadã e Defesa Civil do Paulista, visa promover uma maior interação entre os alunos da rede pública, quebrando a rotina da comunicação por redes sociais.
“A expectativa é de que 600 jovens se façam presentes aqui hoje. Estaremos realizando a ação das 08h às 11h (manhã), e das 14h às 17h (tarde). Ao chegarem, esses alunos vão se deparar com uma recepção especial, onde será apresentado um rodízio de atividades para que todos consigam participar de no mínimo oito brincadeiras diferentes”, afirmou Gleiber Montenegro, professor de Educação Física na EREM Arnaldo Carneiro Leão e colaborador no projeto.
O resgate de algumas brincadeiras populares que costumavam fazer parte do cotidiano das gerações passadas é uma das atrações da iniciativa. Quem se mostrou bastante satisfeita com o lançamento do programa foi à aluna Jéssica Ângela, do segundo ano do Ensino Médio da escola Arnaldo Carneiro Leão.
“Realizar essa integração entre as escolas é muito importante, pois vivemos em ambientes separados e distantes. Outra coisa interessante é o resgate da utilização do lugar público como área de lazer, transformar as praças em ambientes movimentados, trazendo de volta brincadeiras populares que marcaram gerações anteriores, já que os jovens estão mais focados nas tecnologias”, afirmou a jovem de 17 anos.
Também presente na ação, uma equipe da Sec. Executiva de Meio Ambiente do Paulista fez questão de incentivar o plantio de algumas mudas na área interna da Praça. Pau Brasil e Aroeira foram algumas das plantas inseridas no local.
Para finalizar, o secretário de Segurança Cidadã e Defesa Civil do Paulista, Manoel Alencar, destacou o principal intuito do programa, que ainda vai atingir todos os bairros do município.
“Entendemos que os maiores prejudicados com a violência são os nossos jovens. Então o programa surgiu para promover uma integração maior entre a juventude, possibilitando a construção de uma cidadania digna, onde exista acima de tudo o respeito e a inclusão”, enfatizou o secretário.
O lançamento do programa “Escola na Praça” ainda contou com a participação da Banda da Polícia Militar de Pernambuco e da Banda Sinfônica do Paulista, comandada pelo maestro Leonildo Araújo.

Nenhum comentário