Header Ads

Saúde do Paulista inaugura a quinta Academia da Saúde na Jaguarana

Marcada pela alegria da comunidade em receber mais um equipamento público, foi inaugurada nesta sexta-feira (20), a Academia da Saúde no bairro da Jaguarana, localizada na Avenida três, próximo a Unidade de Saúde da Família José Borges de Souza II. O espaço, voltado à prática de exercícios físicos e ao bem-estar da população, foi entregue pelo prefeito Junior Matuto durante um café da manhã. Essa é a quinta academia de saúde e contemplará também a comunidade de Alameda e acolherá o polo do Saúde em Movimento.

Para o gestor municipal, Junior Matuto, é uma enorme satisfação em poder estar mais uma vez na comunidade Antônio Maria entregando um equipamento público.  “O clamor da população é ter exatamente um espaço não apenas para elevar a autoestima e cuidar da saúde, mas também ter um espaço de convivência. E hoje estamos aqui reafirmando o compromisso com o povo do Paulista, dessa vez através da saúde. Sabemos da complexidade, das demandas, mas não vamos baixar a cabeça, vamos fazer das dificuldades, desafios, e os desafios em conquistas para a população”, frisou.

O novo espaço atende os parâmetros determinados pelo Ministério da Saúde, e contará com três espaços, são eles: Espaços de Vivência, que consiste em área coberta; Multiuso, que será a área descoberta e livre, que permite o desenvolvimento de atividades físicas com grupos maiores; e o espaço de Equipamentos, composto por barra horizontal, barra paralela, bancos, prancha abdominal, barra marinheiro, espaldar e a barra horizontal de apoio.  O novo equipamento público custou 129.268,85.

A moradora Rosilene da Silva ficou muito feliz com esse novo espaço e aproveitou a oportunidade para agradecer a gestão. “Isso foi muito bom não só para a terceira idade, mas sim para as pessoas de todas as idades. Ter uma gestão que pense no bem-estar da população é muito gratificante”, comentou.

Já o morador Carlos Alberto, ressaltou a importância de ter uma Academia da saúde na comunidade. “Fiquei muito feliz, pois eu ficava em casa deprimido, não tinha nada para fazer e agora eu tenho esse espaço que vai proporcionar a realização de atividades físicas e de vivencia”, afirmou.

Segundo a secretaria de Saúde do Paulista, Fabiana Bernart, a proposta da gestão não é incentivar apenas atividades físicas para as pessoas, mas sim estimular também um elo de convivência. “Estamos no mês do setembro amarelo, um mês que discute a vida e esse programa faz muito mais do que discutir saúde, ele une as pessoas e acaba criando um vinculo de amizade, e isso é muito significante não só para a população, mas também para nós que fazemos a saúde do município”, concluiu.

Nenhum comentário