Header Ads

PUBLICIDADE

Caravana do Empreendedorismo: Festival Arte na Usina recebe projeto da Secretaria do Trabalho do Estado nesta segunda-feira, 11.

A Secretaria do Trabalho Emprego e Qualificação de Pernambuco estará pela sétima vez, em menos de dois meses, na Mata Sul do Estado. O novo encontro trará a participação do projeto Caravana do Empreendedorismo na quinta edição do Festival Arte na Usina, sediado na Usina de Arte localizada no Distrito de Santa Terezinha. 

Com articulação da Agência do Trabalho da cidade de Palmares, a SETEQ pretende contribuir com palestras e orientações do universo do empreendedorismo para os participantes do festival e moradores das redondezas. O encontro está previsto para esta segunda-feira, dia 11, das 13h às 17h. 

“A caravana está sendo um sucesso por onde tem passado, até porque, estimula o empreendedorismo crescente em nosso Estado. Na Usina de Arte não poderia ser diferente, porque a própria comunidade já possui um grande foco empreendedor. É de extrema importância poder fortalecer, com algumas de nossas ações, o empreendedorismo latente da região, poder ajudar os moradores da vila, como também as pessoas que vão empreender levando suas artes e sua cultura a todos que vão visitar a Usina durante o período do evento”, ressalta o secretário do Trabalho, Emprego e Qualificação, Alberes Lopes. 

A proposta da Caravana do Empreendedorismo é levar orientações sobre a Lei Geral do Microempreendedorismo Individual (MEI), dicas pertinentes a respeito da linha de Crédito Popular da Agência de Empreendedorismo (AGE), bem como ofertar palestras sobre educação financeira, entre outros assuntos. O projeto visa abrir espaço para estimular a formalização do MEI, dando suporte necessário para expandir os negócios, na expectativa de impactar a economia local. 

Segundo o proprietário da Usina de Arte, o Cônsul da Áustria no Recife, Ricardo Pessoa de Queiroz, o projeto da Festival da Arte na Usina já carrega em si a  importância do empreendedorismo. “Quem viveu aqui até 2015 e hoje vê essa comunidade, já consegue enxergar esse resultado estampado nos rostos das pessoas, no ânimo de fazer e na atitude de empreender. Então, o projeto tem essa importância. A gente tem uma interação muito grande com as escolas, vindo a melhorar sistematicamente os índices como o IDEB, diminuindo a evasão escolar, oferecendo oficinas para os alunos da rede escolar. O projeto vem contribuindo para a ressignificação de uma vila, uma comunidade que possui em média seis mil pessoas”. O Cônsul ressalta ainda, a importância da atenção do poder público diante daquela região. “É de uma importância muito grande poder perceber o poder público, de alguma forma, dedicando o olhar para a nossa iniciativa”, conta Ricardo.

O projeto da Usina de Arte envolve várias ações, como a escola de música, a biblioteca que oferece espaço de pesquisa e desenvolvimento, tanto por conta de seu acervo de livros, quanto na área de tecnologia e acesso à informação. Além de dispor ao visitante do Parque Artístico Botânico, que fica aberto os setes dias da semana no horário diurno, sem restrição de entrada. Em se tratando do Festival da Arte na Usina, já em sua quinta edição, tem agora como objetivo de mostrar ao mundo os trabalhos desenvolvidos pelo projeto durante o ano todo. O Festival irá contar com a participação de vários artistas, e com eles, seus ensinamentos, dispondo ainda de parceria com o município de Xexéu, através de sua Secretaria da Educação.
 

Nenhum comentário