Header Ads

Paulista recebe agentes da Guarda Municipal de 19 cidades de Pernambuco para o teste de aptidão física do curso de Patrulhamento Tático Motorizado (PATAMO)


Agentes da Guarda Municipal de 19 municípios diferentes de Pernambuco estiveram reunidos, neste sábado (28), no Paulista, para realizar o teste de aptidão física que garante ingresso ao segundo curso de Patrulhamento Tático Motorizado (PATAMO). Ao todo, 111 agentes se inscreveram para concorrerem a 50 vagas no treinamento.

O teste, realizado na Praça das Quatro Torres, no Janga, exigiu o índice mínimo de resistência física dos participantes, o que consistiu para as mulheres em uma corrida de dois km em 14 minutos, 12 flexões em um minuto, além de 20 abdominais em um minuto; e para os homens, uma corrida de dois km em 13 minutos, além também das flexões e abdominais.

Agora, os 50 agentes aprovados vão realizar o curso, que está com a data de início prevista para o dia 13 de outubro, com uma semana administrativa, que será realizada no auditório do Centro Administrativo do município, em Maranguape I.  As outras semanas, que serão de treinamento operacional, serão realizadas no Recife, a partir do dia 21 de outubro, em um espaço ao lado do Jardim Botânico do Recife.

Lá, os agentes serão submetidos a rusticidade, que é quando eles serão levados a níveis extremos físicos e psicológicos. O curso vai contar com instrutores da Guarda Municipal do Paulista, Ipojuca e Recife. Além de instrutores das Forças Armadas, do BOPE, do CORE, da Polícia Federal e do BEPI.

Legislação, primeiros socorros, defesa pessoal, treinamento físico, abordagem a pessoas, abordagens a viatura, entre outras instruções serão repassadas durante o curso. Presente no teste de aptidão física, o secretário de Segurança Cidadã e Defesa Civil do Paulista, Manoel Alencar, falou sobre o atual momento da Guarda Municipal do seu município.

“Momento importante onde Paulista está podendo sediar parte de um curso tão importante na área da segurança que é o curso do PATAMO. Estamos em busca de construir uma política de segurança pública municipal que atenda da melhor forma possível a população, e a qualificação dos nossos agentes tem sido o principal alvo dessa gestão. Mesmo diante das dificuldades, já realizamos cursos de tonfa, defesa pessoal, armas não letais, corremos atrás de novas viaturas, e esperamos que o principal beneficiado com isso seja o cidadão”, afirmou o secretário.

Nenhum comentário