Ads Top


Geraldo lança primeiro Compaz do Recife

Geraldo lança primeiro Compaz do Recife (Foto: Andréa Rêgo Barros)
Geraldo lança primeiro Compaz do Recife (Foto: Andréa Rêgo Barros)
O prefeito Geraldo Julio lançou, na manhã desta quinta-feira (10), o primeiro dos cinco Centros Comunitários da Paz (Compaz) que a Prefeitura construirá no Recife. O ato foi realizado no local onde o equipamento será erguido, o antigo clube da Companhia Hidroelétrica do São Francisco (Chesf), na Avenida Abdias de Carvalho, Cordeiro. Orçado em R$ 7 milhões, o centro será construído em oito meses.
O imóvel onde funcionará o primeiro Compaz do Recife foi doado pela Chesf à Prefeitura. Na ocasião, o prefeito e o presidente da Companhia, João Bosco de Almeida, assinaram o termo de doação.
Espaço doado pela Chesf para a Prefeitura do Recife (Foto: Andréa Rêgo Barros)
Espaço doado pela Chesf para a Prefeitura do Recife (Foto: Andréa Rêgo Barros)
Geraldo destacou que o diferencial do equipamento será a qualidade da estrutura e dos serviços prestados aos recifenses de forma gratuita. “A qualidade que vocês verão aqui foi inaugurada há pouco tempo no nosso Estado. Eu me lembro quando foram inaugurados os Hospitais Miguel Arraes, Pelópidas Silveira e Dom Helder. As pessoas que eram atendidas faziam testemunhos de que não conhecem, na iniciativa privada, equipamentos com tanta qualidade. E aqui vocês podem ter a certeza de que será assim”, pontuou.
Idealizado pelo deputado federal Raul Henry, o Compaz é mais uma promessa de campanha que o prefeito tornará realidade. No segundo dia de governo, o gestor já havia anunciado o terreno onde será erguido o primeiro Hospital da Mulher do Recife. Outro compromisso que Geraldo já colocou em prática foi o mutirão de limpeza da cidade, batizado de Operação Faxina Geral.
O terreno, que antes abrigava o clube da Chesf, já conta com ginásio coberto, piscinas, campo de futebol e quadras de tênis. Tudo será reformado. Além disso, a população também poderá usufruir de biblioteca, audioteca, videoteca, salas de capacitação profissional, mediação de conflitos, acesso à Justiça e apoio às famílias com problemas de drogas e álcool. Os serviços começarão a funcionar quando o Compaz for inaugurado.
O prefeito explicou que o local onde funcionará o centro comunitário foi escolhido por se tratar de uma área onde foram registrados altos índices de violência. Só em 2012, ocorreram 61 crimes dentro de um raio de dois quilômetros. “Se os autores e vítimas desses 61 crimes tivessem oportunidades como as que vamos oferecer aqui, esses crimes poderiam não ter ocorrido”, salientou.
O presidente da Chesf, João Bosco, demonstrou sua satisfação com a nova utilidade que o antigo clube da companhia terá. “Isso aqui poderia ser um conjunto de prédios, sem nenhuma transformação na cidade. Mas, agora, a Prefeitura poderá colocar em prática ações que vão influenciar a vida das pessoas que necessitam da presença do poder público”, comemorou.
O secretário de Segurança Urbana, Murilo Cavalcanti, afirmou que o lançamento do Compaz mostra que as prioridades do Recife mudaram. “Vamos realizar um trabalho integrado de inclusão social e fortalecimento da cidadania. As ações serão voltadas não só para os jovens, mas também para as famílias que perderam seus filhos para o tráfico, mas que seguem esperançosas de que isso não vai se repetir com os outros.”
Também presente ao ato, o secretário de Defesa Social do Estado, Wilson Damázio, garantiu estar disposto a colaborar com o projeto. “Nossa secretaria coloca o Corpo de Bombeiros à disposição para instalar uma seção na área do novo Compaz e contribuir com o trabalho que será realizado aqui”, ressaltou.
Postar um comentário
Tecnologia do Blogger.